Filhinhos da Mamãe

Guia Sobre Infância
MENU

Crianças que roncam podem ter dificuldade de aprendizagem

Tags:, , ,

criança-que-ronca-612x250

Quando eu era residente de otorrinolaringologia fazia muitas cirurgias de amigdalas e adenóides.  Nas consultas de revisão, após um mês do procedimento, ouvia com muita freqüência; “Dra, depois da cirurgia meu filho ficou mais inteligente!”

A percepção das mães  era mesmo verdadeira! A cirurgia é principalmente indicada quando a criança tem amígdalas e adenóides grandes demais que causem obstrução das vias aéreas. Assim, essas crianças costumam roncar, dormem mal…

Um estudo recente (2015) realizado na China avaliou crianças com apneia obstrutiva do sono e confirmou o que outros estudos já indicavam: essas crianças apresentam alterações significativas na memória de trabalho e podem ter dificuldade de aprendizagem. 

Como foi o estudo?

Foram avaliados  dois grupos crianças (entre 8-12 anos). Um grupo (23 crianças) com apneia obstrutiva do sono e outro (28 crianças) sem.  As crianças foram submetidas a avaliações neurocognitivas que estudaram a memória de trabalho nos dois grupos, através de testes específicos que avaliaram a capacidade fonológica e verbal; visoespacial; processamento executivo central e atenção.

As crianças com apneia obstrutiva do sono mostraram déficits  em diversas áreas cognitivas, incluindo: vigília, atenção sustentada e memória.

Funções executivas também podem estar alteradas, como capacidade de planejamento e organização, inibição, flexibilidade mental e memória de trabalho. Esse estudo mostrou particularmente alterações importantes na memória de trabalho na comparação entre os dois grupos de crianças.

O que é memória de trabalho e qual sua relação com o aprendizado?

O cérebro possui múltiplos sistemas de memória, com diferentes características e envolvendo diferentes redes neuronais. Não existe nenhuma área cerebral individual dedicada a armazenar toda a informação que aprendemos.

A memória de trabalho armazena no cérebro informação consciente por um curto período de tempo.

Por exemplo: você é capaz de gravar uma sequencia de números de telefone por um certo período de tempo, depois esquece.  Esse é um sistema que o cérebro tem para lidar e trabalhar muito eficientemente com um pequeno volume de informação. Usamos este sistema para lembrar as palavras o tempo suficiente para interpretar o seu significado durante uma conversa, para fazer cálculos aritméticos mentais, e para lembrar, por exemplo, onde recentemente deixamos as chaves. A eficiência é uma das suas características centrais – uma característica conseguida às custas de uma capacidade limitada e pouco duradoura.

Alguns estudos com crianças indicam que a memória de trabalho desempenha um papel crítico na aprendizagem da língua, sugerindo que este sistema de memória pode ter co-evoluído com a fala. A precisão que é necessária para acompanhar o fluxo de palavras, e da sua ordem nas frases, tem um papel crítico na compreensão do seu sentido.

filhinhos da mamãe

Alan Baddeley – Desenvolveu a ideia de memória de trabalho, que consiste na interação de diferentes sistemas. O armazém fonológico, estruturas responsáveis por esboços visuo-espaciais e sistema executor central estão localizados em diferentes partes do cérebro.

Por que nas crianças com Apneia obstrutiva do sono ocorrem esses déficits cognitivos?

Parece que a redução transitória na concentração de oxigênio sanguíneo (resultante da parada momentânea da respiração) e a fragmentação do sono são os principais motivos.

Como identificar se a criança tem apnéia obstrutiva do sono?

Apneia obstrutiva do sono é uma alteração da respiração durante o sono relativamente comum. Apneia significa sem respiração. Ou seja, a criança enquanto dorme apresenta intervalos em que pára de respirar. Isso pode ser percebido pelos próprios pais ou em um exame que avalia o padrão de sono: a polissonografia.

A criança com apneia obstrutiva do sono geralmente ronca, tem o sono fragmentado e acorda diversas vezes. Do ponto de vista de exames, tem redução intermitente nas taxas de oxigênio sanguíneo e aumento da concentração sanguínea de gás carbônico.

O que fazer?

Déficits na memória de trabalho foram demonstrados em adultos com apneia obstrutiva do sono e se mostram persistentes  mesmo após o tratamento. Alguns estudos em crianças mostraram que as alterações cognitivas nas crianças geralmente desapareciam após a cirurgia de amígdalas e adenóide (como atestado pelas mães de vários pacientes meus!).

Devemos estar atentos ao diagnóstico de apnéia obstutiva do sono em crianças para que o tratamento adequado não seja postergado. Isto é essencial para prevenir desordens em longo prazo no desenvolvimento cerebral.

Referências:

Working memory impairment and its associated sleep-related respiratory parameters in children with obstructive sleep apnea (Sleep Medicine – 2015).

Aprendizagem e Memória

Carla Torres

Médica (Universidade Federal Fluminense – 2004) e mãe. Atua nas duas funções em tempo quase integral e é apaixonada pelo que faz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *