Filhinhos da Mamãe

Guia Sobre Infância
MENU

Gestante e Zica: nova recomendação e boatos

Tags:,

zica-recomendaçoes-de-infectologista1-612x250

Estar grávida já é motivo para ficarmos ansiosas, doidas para ver logo a carinha do nosso bebê, loucas para pegá-los no colo… Mas motivo de ansiedade verdadeira é esse tal zica vírus! Agora  sim todas as gestantes estão com os nervos à flor da pele com o risco da doença que causa microcefalia em bebês.  A médica infectologista Simone Bonafé reforça as recomendações que já conhecemos sobre a prevenção e fala algo novo: a necessidade de uso de preservativos durante a gestação, já que foram relatados casos de transmissão sexual da zica. Confira: 

  • O Aedes Aegipt aegypt, o mosquito transmissor da zica (e também da febre amarela e da chicungunya) tem o comportamento típico de picar principalmente pela manhã e no fim da tarde (o que não quer dizer que não possa picar à noite, por exemplo). Nesses horários o uso do repelente deve ser reforçado.
  • A Icaridina é o melhor repelente para se usar. Recomendo meus pacientes a passarem e reaplicarem durante o dia ( a cada 2h e meia),  além de usar roupas compridas (calças e blusas). O repelente pode ser aplicado também sobre a roupa.
  • Principalmente as gestantes devem usar preservativo nas relações sexuais. Já há relatos de casos de transmissão sexual do vírus.
  • Acho que  fanatismo não ajuda, a gestante deve evitar a exposição em locais com maiores concentrações de mosquito e não deve viajar para áreas onde há mais casos confirmados, mas ficar sem sair de casa não é saudável. Pode sair, tomando certos cuidados.

Principalmente as gestantes devem usar preservativo nas relações sexuais. Já há relatos de casos de transmissão sexual do vírus.

  • Para as mulheres que desejam engravidar, se puderem, aguardem um tempo. Pouco foi esclarecido sobre a epidemia, mas em breve saberemos mais e será mais segura (e mais tranquila) uma gestação.
  • Muitos boatos têm sido vinculado à microcefalia, entre eles o uso de vacinas  vencidas e  de medicações que combatem o mosquito (piriproxyfen). Porém  até o momento, só comprovou-se cientificamente o vírus Zika como causador das malfomaçōes no SNC dos fetos. Procure manter-se atualizado por sites confiáveis como o do Ministério da Saude ou sites científicos como Elsevier.

Muitos boatos tem sido vinculado a microcefalia, entre eles o uso de vacinas  vencidas e  de medicações que combatem o mosquito (piriproxyfen). Porém  até o momento, só comprovou-se cientificamente o vírus Zica como causador das malfomaçōes no SNC dos fetos.

Simone Bonafé

Médica infectologista pela Sociedade Brasileira de Infectologia, com doutorado em infectologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) e professora do curso de Medicina do Centro Universitário de Maringá (UNICESUMAR).

Últimos posts por Simone Bonafé (exibir todos)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *