Filhinhos da Mamãe

Guia Sobre Infância
MENU

Mamadeira pronta pode causar infecção fatal

Tags:, , , , , , ,

fórmula láctea

Cozinhar requer cuidados. Todo mundo sabe o quão importante é a higiene na hora de preparar alimentos. Mas quando se trata de bebês, precisamos estar atentos a cuidados especiais.  Os bebês ainda estão desenvolvendo seu sistema imunológico (viu nossa série sobre imunidade?). Por isso, principalmente para eles, os alimentos  devem ser muito bem lavados e carnes e ovos devem ser bem cozidos. Isto evita infecções como salmonelose, toxoplasmose e hepatite A. O que para nós poderia ser uma infecção que traria mal estar mas logo seria controlada, para eles pode ser algo fatal. É o caso de uma grave infecção que pode ser ocorrer quando se oferece ao bebê uma  mamadeira já preparada  há algum tempo.

 

Enterobacter sakazakii é uma bactéria que pode contaminar as fórmulas infantis. Não cresce no pó, mas começa a replicar-se depois da diluição do produto com água em temperatura superior a 5ºC.  Esse microrganismo pode ser destruído com temperaturas da água superiores a 60ºC. Embora a infecção não seja tão comum, pode causar morte em 20% a 50% dos casos. A infecção atinge, preferencialmente, recém-nascidos pré-termo e crianças abaixo de 2 meses e pode causar infecção generalizada (sepse), meningite ou lesão grave do intestino (enterocolite necrosante). As medidas para reduzir o risco de infecção abrangem a preparação da fórmula em ambiente estéril e a utilização da água filtrada e fervida à 70°C, para diluição do pó, com consumo assim que a temperatura estiver própria para o consumo. Os restinhos de leite não devem ser reaproveitados.

Como mãe sei como essa é uma dádiva cansativa. Mas não dá para deixar mamadeira pronta para oferecer depois ao bebê. Uma coisa que ajuda bastante é, mesmo em casa,   deixar as porções de fórmula já preparadas na medida certa e quando for a hora de mamar, basta misturar na água. Usei muito aqueles potinhos que tem divisórias para três mamadas. Tipo esse aqui:

fórmula láctea

Achou importante? compartilhe! Algumas pessoas podem desconhecer totalmente esta informação.

Carla Torres

Médica (Universidade Federal Fluminense – 2004) e mãe. Atua nas duas funções em tempo quase integral e é apaixonada pelo que faz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *